Diretor José Roberto Torero ::  | Curta o Curta

Sobre José Roberto Torero

José Roberto Torero dirigiu 6 curtas, dois como aluno da ECA-USP e quatro pela Superfilmes. São eles Morte, Amor! (melhor filme nos festivais de Havana, Vila do Conde, Palm Springs, Santiago do Chile, Toronto, Gramado e Brasília), A alma do negócio (melhor filme em quatro festivais, inclusive no de Drama, na Grêcia), e O Bolo, que fez parte do longa-metragem “Felicidade é...”, prêmio especial do júri no Festival de Hamburgo). Pela Superfilmes também realizou o média-metragem O mundo cabe numa cadeira de barbeiro, para a TV Cultura, e o longa Como fazer um filme de amor. Também roteirizou o curta Uma história de Futebol, finalista do Oscar em 2001, e sete longas, entre eles Memórias Póstumas, Pequeno Dicionário Amoroso, Pelé Eterno e O contador de histórias. Publicou 30 livros (entre eles O Chalaça, prêmio Jabuti de Romance) e escreveu uma coluna sobre futebol na Folha de S.Paulo de 1998 a 2012. Na tevê, por oito anos escreveu o quadro Retrato Falado, exibido dentro do Fantástico, além da série FDP, a ser exibida pela HBO a partir de abril de 2012.

Filmes no Acervo Curta o Curta

  • Morte

    Morte
    José Roberto Torero, SP, 2002, 12' 00"

    5 0

Jornal do Curta

[confira outras notícias]