40 ANOS EM 10 CURTAS - Festival de Brasília lança DVD com curtas premiados ::  | Curta o Curta

40 ANOS EM 10 CURTAS - Festival de Brasília lança DVD com curtas premiados

Por Guilherme Whitaker em 23/11/2007 16:09


40ª edição do Festival de Brasília do Cinema Brasileiro: uma data tão importante não poderia passar em branco. Vários cineastas, hoje consagrados, tiveram no Festival de Brasília seu primeiro espaço de exibição com seus curtas-metragens. A história do cinema brasileiro passou pelas telas candangas por meio de vários curtas-metragens ao longo dos 40 anos. No intuito de registrar simbolicamente a trajetória do Festival, o projeto do DVD comemorativo Festival de Brasília: 40 anos em 10 curtas foi criado, contando com 2 curtas-metragens premiados por década.

“A idéia surgiu durante o Festival do ano passado. O público e os realizadores elogiavam os curtas, mas lamentavam a falta de espaço fora do período do Festival. Um DVD com curtas-metragens históricos, vistos apenas uma vez durante alguma edição ou apenas conhecidos pelos títulos, poderia simbolizar os 40 anos como uma proposta de distribuição e exibição, questões para serem reformuladas, principalmente nos dias de hoje com a era digital tão comentada” comenta a produtora Ana Arruda Neiva, idealizadora do projeto.

Alexandre Costa, proprietário da Cult Vídeo, abraçou a idéia e assim o projeto começou a ganhar vida.
“O curta-metragem vive praticamente de Mostras e Festivais de Cinema. Nossa proposta com este DVD é resgatar alguns títulos há tempos guardados e levar estes filmes para um número maior de pessoas, através da criação de novos espaços para exibição e discussão”. Este é o segundo título lançado pela Cult Vídeo, que há dois anos lançou o DVD “Curta Brasília – Volume 1”, com cinco filmes de diretores brasilienses.

Para a curadoria, foram convidados o cineasta Vladimir Carvalho, o jornalista Sérgio Moriconi e Fernando Adolfo - coordenador geral do Festival. Todos os curadores estiveram presentes e foram atuantes ao longo das edições do Festival, das quais assistiram boa parte dos mais de 800 curtas-metragens exibidos até hoje.

“Os curtas deste DVD darão continuidade à discussão e aos debates sobre o cinema brasileiro e à formação de público, que sempre foram a marca do Festival” comenta Fernando Adolfo. E complementa: “Os curtas traçam um panorama das várias linguagens e gêneros desde o documentário, à ficção até a animação; são filmes de cineastas fundamentais para nossa cinematografia”.

Vladimir Carvalho, um dos mais importantes documentaristas do país, ressalta a questão do resgate: “Essa iniciativa é muito importante para a preservação da memória cultural da cidade, pois o Festival é um capítulo da história de Brasília. O Festival está de parabéns por ter acolhido essa proposta.” Sobre o processo de seleção dos títulos pela curadoria, Vladimir comenta: “Foi um encontro super prazeroso ao rever filmes aos quais, naturalmente, não teríamos acesso. Foi uma doce recordação do Festival.”

O jornalista e cineasta Sérgio Moriconi destaca a questão da diversidade tanto temática como regional ao longo de todas edições. “A seleção é um processo de perdas e ganhos. Não foi fácil. Afinal, não entraram todas as obras-primas valiosas de tantos anos. Procuramos ter um painel expressivo do universo que é o Festival, com curtas de vários lugares do Brasil e seus múltiplos olhares.”

Neste DVD comemorativo, estão presentes 10 filmes de curta-metragem em 35mm, premiados pelo Júri Oficial ao longo de quatro décadas. São importantes filmes como o Brinquedo Popular do Nordeste do diretor Pedro Jorge de Castro, cuja cópia restaurada foi exibida na abertura da 40ª edição - o primeiro curta brasiliense premiado no Festival. Curtas de cineastas consagrados como Marcelo Gomes (diretor do premiado longa Cinema, Aspirina e Urubus), o falecido Roberto Santos (de A Hora e a Vez de Augusto Matraga), Edgard Navarro (atuante no período do Cinema Novo) e Andréa Tonacci (diretor de clássicos do Cinema Marginal).

O DVD conta também com filmes de personalidades importantes no meio audiovisual como: o animador Marcos Magalhães (coordenador do renomado AnimaMundi), o professor e pesquisador da USP Carlos Calil e o José Araripe Júnior (atual coordenador do Ctav), além de cineastas da nova geração como o mineiro Rafael Conde e Adirley Queiros com seu filme da Ceilândia, diretamente da periferia de Brasília.


A DISTRIBUIÇÃO APÓS O FESTIVAL
O projeto conta com o apoio do Fundo Nacional de Cultura do Minc, viabilizando a produção de 1.200 DVDs que serão distribuídos gratuitamente em todo o país. A distribuição de cópias será feita para projetos de exibição e difusão, como cineclubes, escolas, universidades, Pontos de Cultura, produtoras e distribuidoras alternativas, vídeolocadoras, videotecas, mostras e festivais de cinema em vários Estados do País.

FILMES DO DVD

DÉCADA DE 60

Blá... Blá... Blá... , de Andréa Tonacci
Ficção, p/b, 30min, SP, 1968
Num período de crise interna, em país não identificado, um líder de governo decide fazer um pronunciamento político pela TV. O seu comportamento chega à histeria, ele cai em si e admite seus erros. Mas é tarde demais. Ouve-se o ruído das multidões, os riscos e a estática invadem o vídeo, a transmissão sai do ar. É o seu fim.

À João Guimarães Rosa, de Roberto Santos.
Documentário, p/b, 14min, SP, 1969
SINOPSE: Imagens do sertão mineiro a partir de fotos de Maureen Bisilliat, com a orientação de Guimarães Rosa sobre o percurso de viagem, e com trechos narrados do romance Grande Sertão: Veredas.

DÉCADA DE 70

Simitério do Adão e Eva, de Carlos Augusto Calil
Documentário, cor e p/b, 19 min,SP, 1975
O curioso Simitério de Adão e Eva (sic), construído por Jakim-Volanuk, na Rua Martins Bonilha 24, Alto da Mooca, São Paulo.

Brinquedo Popular do Nordeste, de Pedro Jorge de Castro.
Documentário, cor, 25min, DF, 1977
A beleza do artesanato do nordeste brasileiro, confeccionado com matérias-primas naturais como argila, madeira, e também com sucata.

DÉCADA DE 80

Meow, de Marcos Magalhães
Animação, cor, 8min, RJ, 1981
Um gato é disputado por dois donos. Um tem pouco leite para alimentá-lo, e o outro tenta de todas as formas acostumá-lo a beber um refrigerante chamado Soda-Cólica.

Porta de Fogo, de Edgard Navarro
Ficção, cor, 27min, BA, 1985
A morte do guerrilheiro Carlos Lamarca, no sertão da Bahia, numa metáfora da transcendência da morte, em que o cangaceiro Lampião surge para preparar Lamarca para aquele momento.

DÉCADA DE 90

Maracatu, Maracatus, de Marcelo Gomes
Documentário/ficção, cor, 14min, PE, 1995
As diferenças culturais entre as várias gerações de integrantes do maracatu rural, ritual afro-indígena que tem suas origens nos engenhos de açúcar de Pernambuco.

Mr. Abrakadabra!, de José Araripe Jr.
Ficção, p/b,13min, BA, 1996
Um velho artista já não consegue fazer suas mágicas, desesperado, tenta o suicídio várias vezes, sem obter êxito. Decidido a morrer a qualquer preço, arquiteta um super suicídio. Porém, algo surpreendente acontece...

DÉCADA DE 2000

Rua da Amargura, de Rafael Conde
Ficcão, cor, 15min, MG, 2003
Dois irmãos tentando pagar as dívidas.

Rap, O Canto da Ceilândia, de Adirley Queiroz
Documentário, cor, 15min, DF, 2005
Diálogo com quatro consagrados artistas do Rap nacional, todos moradores da Ceilândia, cidade-satélite de Brasília. São artistas que vêem no Rap a única forma de revelar seus sentimentos e de se auto-afirmar enquanto moradores da periferia.


SERVIÇO
DVD Festival de Brasília - 40 Anos Em 10 Curtas
Coordenação Geral do projeto: Ana Arruda Neiva e Alexandre Costa
Curadoria: Vladimir Carvalho, Sérgio Moriconi e Fernando Adolfo

Lançamento oficial no 40º Festival de Brasília
Dia: 26/11 (segunda)
Hora: 17h30
Local: Hotel Nacional – Acesso livre
Presença da curadoria, coordenação do projeto e diretores presentes no Festival

1ª exibição pública do DVD
Dia: 26/11 (segunda)
Hora: 20h00
Local: Cineclube Bancário (Teatro dos Bancários - 314/15 sul)
Haverá debate com e diretores presentes no Festival – Entrada franca

Coordenação geral do projeto:
Ana Arruda Neiva (61) 9967-0579
Alexandre Costa (61) 3321-6665
dvdfestival@cultvideo.com.br
Site do projeto: www.cultvideo.com.br/festival

Curadoria do DVD:
Fernando Adolfo (61)3325-7777
Vladimir Carvalho (61) 3577-3948
Sérgio Moriconi (61) 9974-1685

* Para contato dos diretores dos curtas-metragens, falar com coordenação do projeto

Comente aqui...


Você precisa digitar algo na caixa de texto.
Não foi possível enviar seu comentário.
Informe um e-mail válido.
Você precisa informar um nome.
Você precisa digitar algo na caixa de texto.

Jornal do Curta


[confira outras notícias]