A 13ª edição da Mostra do Filme Livre movimenta CCBB de Brasília ::  | Curta o Curta

A 13ª edição da Mostra do Filme Livre movimenta CCBB de Brasília

Por Curta o Curta em 09/04/2014 18:37


Abertura dia 9/4, às 20h exibe montagem feita especialmente para a cerimônia e filme surpresa.

O Centro Cultural Banco do Brasil - Brasília recebe, entre 9 e 27 de abril, a 13ª edição da Mostra do Filme Livre. 

Com patrocínio do Banco do Brasil e do Ministério da Cultura, a mostra, que é realizada desde 2002, selecionou para esta edição ano 198 filmes, a partir de 1060 inscrições. Além dos selecionados outros 40 filmes foram convidados, totalizando 238 filmes!

Com entrada franca, a programação compõe um panorama do que há de mais ousado na produção audiovisual independente nacional, além de debates, oficina de vídeo e outras ações realizadas no CCBB ao longo do evento. Na abertura, no dia 9 (quarta-feira), às 20h, será exibida uma montagem feita pelo cineasta e curador Christian Caselli.

Realizada também no Rio de Janeiro e em São Paulo, a MFL tem curadoria formada por Marcelo Ikeda, Chico Serra, Christian Caselli, Gabriel Sanna, Manu Sobral, Dácio Pinheiro, Carlos Eduardo Magalhães e Guilherme Whitaker, também idealizador do evento. Os organizadores calculam atrair cerca de 10 mil pessoas. Ao longo de 12 edições, a MFL exibiu para cerca de 47 mil pessoas mais de 2800 filmes, entre curtas e longas de todos os formatos e gêneros.

Criada e organizada por Guilherme Whitaker a MFL exibe longas, médias e curtas, sempre destacando filmes que fujam do lugar comum narrativo, estético e em seus modelos de produção. “Cada vez mais pessoas fazem mais filmes por todo o Brasil. Tal produção muitas vezes enfrenta dificuldades para chegar ao grande público e a MFL busca chamar atenção para estes filmes e seus realizadores, que muitas vezes fazem seus filmes sem nenhum tipo de apoio público” diz Whitaker.

Em sua mostra regular a MFL repete a fórmula dos “Panoramas Livres”, “Outro Olhar”, “Longas Livres” e diversas sessões especiais, como a “Mostrinha Livre” para a criançada, “Mundo Livre” (com filmes feitos por brasileiros no exterior), “Pílulas”, com 24 curtas de até no máximo 5 minutos, e a sessão “Coisas Nossas” (com filmes feitos pela curadoria e equipe da MFL).

Premiação: A MFL talvez seja a única mostra brasileira onde a própria curadoria, que assiste a todos os filmes inscritos, além de fazer a seleção de filmes e a programação do evento, define também quais obras se destacaram para serem premiados com o Troféu Filme Livre! Os realizadores dos filmes premiados são convidados a irem à mostra carioca para receberem o troféu e conversarem com o público após a sessão do filme. A edição 2014 premiou os longas “Amor, Plástico e barulho (PE), de Renata Pinheiro, e “O Sol nos meus Olhos” (RJ), de Flora Dias & Juruna Mallon. Os curtas premiados foram“A Eleição é uma Festa” (SE), de Fábio Rogério; “Camila Agora” (PR), de Adriel Nizer; “Em Trânsito” (PE), de Marcelo Pedroso; “No Interior da Minha Mãe” (MA), de Lucas Sá; “Relatório #1” (RJ), de Ricardo Mendonça; “Trans-Lucidx” (PR), de Tamíris Spinelli, e “Malha” (PB), de Paulo Roberto. 

A diretora Renata Pinheiro, de “Amor, Plástico e Barulho, estará em Brasília para comentar a exibição de seu longa no dia 10/4, às 20h, ocasião em que receberá também o seu troféu.

Homenagem - A cada ano a MFL homenageia um grande nome do nosso cinema de invenção e/ou alternativo. Já foram homenageados cineastas como Luiz Rosemberg Filho, Andrea Tonacci, Elyseu Visconti, Helena Ignez, José Sette, Joel Pizzini, Edgard Navarro, Carlos Alberto Prates, entre outros. 

Em 2014 a homenagem será à cineasta Ana Carolina, com a exibição de seus seis longas, incluindo a célebre trilogia formada por “Mar de Rosas”, “Das tripas coração” e “Sonho de Valsa”, e debate sobre sua obra no dia 13/4, depois da sessão das 18h, com o filme “Das Tripas Coração”, no cinema do CCBB, com a participação da própria cineasta e do crítico de cinema Sergio Bazi. 

Sessões especiais – Entre os filmes especiais que a MFL exibe em sua 13ª edição, está o longa “Orlando, ou O Impulso de Acompanhar Pássaros até o Fim do Mundo!”, de Alexandre Rudáh. Na sessão Cavídeo será exibido o documentário “Cidade de Deus – 10 anos depois”, uma investigação sobre o que aconteceu com as pessoas que participaram de um dos filmes mais famosos do cinema brasileiro. 

Também serão exibidos filmes raros, como “O santo e a vedete”, de Luiz Rosemberg Filho, comédia erótica censurada nos anos 1970, em versão restaurada em DVD. Com música de Jards Macalé, o filme tem Wilson Grey e Nelson Dantas no elenco. Há ainda novidades como o novo longa de Ricardo Miranda, “Paixão e virtude”. A atriz e cineasta Helena Ignez mostra seus dois últimos filmes: “Poder dos afetos” e “Feio, eu?”. E o cineasta mineiro Fábio Carvalho exibe seus dois novos filmes: “Jimi Hendrix e a fonoaudióloga” e “ O tempo do corte”.

O já célebre recorte “Trash” contará com a exibição de curtas e longas do gênero e o debate “Ser ou não ser trash?” com o curador Christian Caselli e o cineasta Tiago Belotti, no cinema CCBB, no dia 16/04, 20h. Caselli, aliás, ministrará uma Oficina de Vídeo durante o evento em Brasília. As inscrições serão no final de março no site do evento.

Filmes candangos: A Sessão Curta DF , dia 12/04 às 15h30, traz um significativo panorama da produção de cinema de Brasília. A sessão inclui nove curtas-metragens produzidos no Distrito Federal, sendo quatro deles ainda inéditos: “Fogo no Cerrado”, de Jimmy Christian; “Catracaço de Aniversário”, de Coletivo MPL-DF; “Duplo”, de Raquel Piantino, e “Monotonia”, de Tatiana Bevilaqua. Média – Os filmes em média-metragem, normalmente fora dos festivais e do circuito comercial, ganham na MFL um espaço especial na sessão Médias Livres. Nela, são exibidos três filmes da Paraíba: "O Matador de Ratos", de Arthur Lins(32 minutos), "O Desejo do Morto", de Ramon Porto Mota (33 minutos) e "Cova Aberta", de Ian Abé (20 minutos).

A MFL 2014 promove também o debate “Regionalização das Políticas Audiovisuais”, que será realizado no Cinema do CCBB, no dia 12/04, às 17h (logo após a sessão Curta DF)), com André Leão (Presidente da ABD-Nacional), Leonardo Barbosa ( Secretaria do Audiovisual do Ministério da Cultura) e Adriano de Angelis (Articulador da RiAV – Rede de Inovação Audiovisual e Coordenador do Colegiado do Audiovisual do DF). A ideia é discutir a lei de criação do Fundo Setorial do Audiovisual, que prevê que 30% dos recursos devem ser direcionados a projetos das regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste.

A Cabine Livre este ano vai acontecer no subsolo do Balaio Café, onde serão exibidos em “loop” videoartes e filmes de linguagem mais experimental, trabalhos contemplativos ou radicais com o objetivo de criar um ambiente em que o público possa apreciar trabalhos que fogem dos esquemas tradicionais da sala de cinema comum. As obras são exibidas a partir das 14h em loop, ou seja, o mesmo filme ou a mesma sequência passa sem intervalos. 

Por fim, a MFL também é performance. Inspirada nas obras dos artistas Hèlio Oiticica e lembrando as ações de Flávio de Carvalho, a produção do evento traz de volta a Brasília a Parangotela. O personagem perambula pela cidade à noite projetando em sua roupa-tela filmes abstratos e as vinhetas da MFL deste ano.

Mais informações:

www.mostradofilmelivre.com 

www.facebook.com/mostradofilmelivre


SERVIÇO

13ª Mostra do Filme Livre – MFL 2014

09 a 27 de abril de 2014

Centro Cultural Banco do Brasil

Cinema (70 lugares)

Entrada franca - mediante retirada de senha com uma hora de antecedência

SCES Trecho 2 – Brasília/DF Tel: 61 3108-7600

E-mail: ccbbdf@bb.com.br Site: bb.com.br/cultura

Redes sociais: facebook.com/ccbb.brasilia e twitter.com/CCBB_DF


O CCBB disponibiliza ônibus gratuito, identificado com a marca do Centro Cultural. O transporte funciona de terça a domingo. Consulte todos os locais e horários de saída no site e no Facebook.


Assessoria de imprensa CCBB: Ricardo Torres – ricftorres@bb.com.br - (61) 3108-7629 / 7630 


ASSESSORIA DE IMPRENSA BRASILIA

Ulisses de Freitas

Tel (61) 8126-6445

panorama.assessoria@gmail.com


Produção Local - BRASILIA

Daniela Marinho

+55 61 8142-4106

danimma@gmail.com


Balaio Café (subsolo)

CLN 201, Bloco B, loja 19/31


Comente aqui...


Você precisa digitar algo na caixa de texto.
Não foi possível enviar seu comentário.
Informe um e-mail válido.
Você precisa informar um nome.
Você precisa digitar algo na caixa de texto.

Jornal do Curta

[confira outras notícias]