Abertas inscrições para o Festival Imagens da Cultura Popular Urbana ::  | Curta o Curta

Abertas inscrições para o Festival Imagens da Cultura Popular Urbana

Por João Carlos Martins em 02/05/2016 19:27


No segundo semestre de 2016 será realizada em Belo Horizonte e cidades da RMBH a Mostra Imagens da Cultura Popular Urbana, promovida pela ong Favela é Isso Aí.

O projeto consiste na realização de uma mostra de artes das favelas e periferias da região, incluindo uma série de ações, entre elas:

- 4ª. edição do Festival audiovisual nacional Imagens da Cultura Popular Urbana, com participantes de todo o país;

- Exposição de fotos e trabalhos artísticos dos moradores das comunidades;

- Palestras e debates com realizadores audiovisuais, artistas, acadêmicos e lideranças de Belo Horizonte e outras partes do país, para troca de experiências e reflexões sobre dois temas centrais: de um lado, a diversidade cultural das favelas e as políticas culturais para as comunidades e, de outro, o avanço e conquistas do audiovisual popular nas últimas décadas;

- Apresentações dos artistas das comunidades, nos diversos estilos.

Além das atividades principais, em locais centrais em Belo Horizonte, o projeto vai itinerar por outros lugares nas favelas, centros culturais e espaços populares. Com apoio do Fundo Estadual de Cultura e da Lei Municipal de Incentivo de Belo Horizonte, através de patrocínio da Lápis Raro, esta edição da Mostra amplia suas parcerias para além da capital, estabelecendo parceria com o projeto LUMES, da UFMG, e focando no perfil e na Diversidade cultural da Região Metropolitana de Belo Horizonte. A mostra vai itinerar por diversos espaços na região, além de Rio de Janeiro, São Paulo e Portugal, ampliando o público envolvido.

Inscreva seu filme no Festival Favela é Isso Aí

Como parte da Mostra será realizada a 4ª. Edição do Festival Favela é Isso Aí – Imagens da Cultura Popular Urbana. O principal objetivo do festival é apoiar e divulgar a produção audiovisual sobre a cultura das comunidades de baixa renda, vilas, favelas e territórios de exclusão. Outra proposta é promover o intercâmbio e a reflexão sobre a diversidade cultural das periferias de Belo Horizonte, de Minas e do Brasil.

Para saber mais, acesse o regulamento e a ficha de inscrição aqui


Comente aqui...


Você precisa digitar algo na caixa de texto.
Não foi possível enviar seu comentário.
Informe um e-mail válido.
Você precisa informar um nome.
Você precisa digitar algo na caixa de texto.

Jornal do Curta


[confira outras notícias]