BECO DO RATO na Lapa, exibe curtas premiados e etc. ::  | Curta o Curta

BECO DO RATO na Lapa, exibe curtas premiados e etc.

Por Guilherme Whitaker em 01/12/2005 21:39



5 curtas no Beco do Rato
A partir das 20h na Lapa


Dezembro vai chagando e com ele, logo no seu primeiro dia, mais uma sessão no Beco do Rato, sempre aberta pelo Receita de Choro, rumo ao seu primeiro DVD.

Confira a programação abaixo e espalhem pela cidade. Do jeito que a coisa vai teremos que fechar a rua pra poder caber mais pessoas interessadas no melhor para a cultura do Rio de Janeiro. 

Curtas em cartaz:

CURUPIRA - Fabio Mendonça e Guilherme Ramalho
1 ANO E 1 DIA - Antonio Amaral, João Xavier e Rafael da Costa
A RAIZ DE TI MESMO - Tatiana Lohamonn
MORANGO COM LIMÃO - Adolfo Sarkis
HISTORIETAS ASSOMBRADAS (PARA CRIANÇAS MIMADAS) - Victor Hugo Borges

Apareçam!!!

A cerveja está sempre gelada, as estrelas nos brindam do céu e os melhores filmes do Brasil (sempre curtas e só curtas), de graça, para quem quiser ver!!!

A concentração é às 19:30. Lá pelas 20:00 iniciamos a choradeira e por volta das 22:30 cineclube. Rua Morais e Vale, Beco (entre as Av. Augusto Severo e a Rua da Lapa). 

"De repente a emoção se ritmou em redondilhas, escrevi a primeira estrofe, mas na hora de vestir-me para sair, vesti-me com os versos surdindo na cabeça, desci à rua, no Beco das Carmelitas me lembrei de Raul de Leoni, e os versos vindo sempre, e eu com medo de esquecê-los . Tomei um bonde, saquei do bolso um pedaço de papel e um lápis, fui tomando as minhas notas numa estenografia improvisada, senão quando lá se quebrou a ponta do lápis, os versos não paravam... Chegando ao meu destino pedi um lápis e escrevi o que ainda guardava de cor... De volta à casa, bati os versos na máquina e fiquei espantadíssimo ao verificar que o poema se compusera, à minha revelia, em sete estrofes de sete versos de sete sílabas".

Vão demolir esta casa.
Mas meu quarto vai ficar,
Não como forma imperfeita
Neste mundo de aparências
Vai ficar na eternidade,
Com seus livros, com seus quadros,
Intacto, suspenso no ar!

Manuel Bandeira
(segunda estrofe - Última Canção do Beco)

Saiba mais em http://www.cinemaneiro.com.br/index_2.htm



"Que importa a paisagem, a Glória, a baía, a linha do horizonte? - O que eu vejo é o beco."
Manuel Bandeira

"A Rua Morais e Vale foi uma das primeiras do Rio, fundada em 1773, quando se fez famosa por sua Folia de Reis e sua festa anual do Divino.... Seu deslumbrante casario viu passar o féretro da Rainha Maria I e serviu de cenário a autores como Joaquim Manoel de Macedo e Machado de Assis, entre outros.... Rota e parada obrigatória de Mestre Valentim, Chiquinha Gonzaga, Ernesto Nazaré, Sinhô, Villa Lobos, Portinari, João do Rio, João Gilberto, Vinícius de Moraes, Noel Rosa, Aracy de Almeida, centro que foi da boemia carioca, coração da Lapa, onde Di Cavalcanti e Jayme Ovalle, em 1916, deram início à Era Boêmia.... Rua de Eneida, Madame Satã e Manuel Bandeira (1886/1968) que a internacionalizou com os Poemas do Beco. Berço do samba, do carnaval (nela nasceu o entrudo) e do modernismo brasileiro (iniciado por Di Cavalcanti, com desenhos da mesma rua).... Área 1 do Corredor Cultural, hoje reduzida a um único e mais importante quarteirão (o resto descaracterizado), em estado de abandono há mais de 50 anos, com seu patrimônio histórico-cultural depredado a cada dia, entregue à marginalidade.... Com base nesta memória, fundamental na formação da alma carioca e da identidade brasileira, e cujos vestígios apagam-se com a assustadora velocidade no descaso, nós, abaixo subscritos, pedimos a intercessão deste Ministério Público pela imediata revitalização da Rua Morais e Vale e criação do Memorial Manuel Bandeira, no local onde residiu – 1933 a 1953 – aquele que é considerado “um dos maiores poetas da língua portuguesa em todos os tempos”, com a função de zelar por este patrimônio material e imaterial, resgatar e fomentar a memória do pensamento no Rio de Janeiro no último século."

Todas as iniciativas cinemaneiras são patrocinadas pela Linha Amarela S.A.

As iniciativas cineclubistas cinemaneiras têm o apoio do CNC - Conselho Nacional de Cineclubes e da ASCINE-RJ - Associação de Cineclubes do Rio de Janeiro

Contatos:
cinemaneiro@foradoeixo.com.br
21 22527893


O Curta o Curta apóia o Cine Beco do Rato sem erro e com eros!!


Comente aqui...


Você precisa digitar algo na caixa de texto.
Não foi possível enviar seu comentário.
Informe um e-mail válido.
Você precisa informar um nome.
Você precisa digitar algo na caixa de texto.

Jornal do Curta


[confira outras notícias]