BNDES renova Programa para Desenvolvimento da Economia da Cultura com orçamento ::  | Curta o Curta

BNDES renova Programa para Desenvolvimento da Economia da Cultura com orçamento

Por Curta o Curta em 30/10/2013 15:46


Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) aprovou a renovação do Programa BNDES para o Desenvolvimento da Economia da Cultura (BNDES Procult). Em sua nova versão, mais simplificada, o programa contará com dotação de R$ 2 bilhões, terá vigência ampliada para até 30 de junho de 2017 e buscará apoiar fortemente a inovação.

Uma das novidades é que, entre os itens financiáveis pelo Procult, passa a figurar o registro da propriedade intelectual, como a criação de novos personagens, marcas, produtos (obras e títulos) ou formatos, onde se vislumbre significativa capacidade de geração de receitas futuras derivadas de licenciamento ou outras formas de rentabilização de direitos.

Outro objetivo do Programa será apoiar o plano de negócios de empresas das cadeias produtivas da cultura, como o audiovisual, editorial e de jogos eletrônicos. Também poderão ser apoiados projetos que se destinem a desenvolver ou implementar conteúdos em novas plataformas, de caráter digital, interativo, multiplataforma ou transmídia, que não se resumam à mera digitalização de acervos.

O Procult é, ao lado do Fundo Setorial do Audiovisual - FSA, uma das fontes de recurso das linhas de crédito do Programa Cinema Perto de Você, que objetiva acelerar a implantação de complexos cinematográficos no Brasil, facilitando o acesso da população às obras audiovisuais por meio da abertura de salas de cinema em cidades de porte médio e bairros populares das grandes cidades.

Para se informar sobre as condições financeiras e o funcionamento do Programa para o Desenvolvimento da Economia da Cultura - Procult, consulte o site do BNDES.

Fonte: ANCINE


Comente aqui...


Você precisa digitar algo na caixa de texto.
Não foi possível enviar seu comentário.
Informe um e-mail válido.
Você precisa informar um nome.
Você precisa digitar algo na caixa de texto.

Jornal do Curta




[confira outras notícias]