Classe Cinematográfica critica (falta de) ação do Governo Federal ::  | Curta o Curta

Classe Cinematográfica critica (falta de) ação do Governo Federal

Por Guilherme Whitaker em 04/09/2001 16:25


Classe Cinematográfica critica (falta de) ação do Governo Federal

Sindicatos e Associações criticam recuo governamental com relação a taxação das televisões brasileiras proposta pelo GEDIC


Manifesto à Imprensa

Pela primeira vez na história discute-se um projeto orgânico, sistêmico, com perspectivas de longo prazo para o audiovisual brasileiro. Há oito meses reúnem-se diversos setores da sociedade no GEDIC - Grupo Executivo de Estudos da Indústria Cinematográfica, criado pela Presidência da República. É importante lembrar que em junho de 2000 ocorreu o 3º Congresso Brasileiro de Cinema, com participação de todos os setores da atividade, onde se realizou um profundo diagnóstico sobre a situação do cinema brasileiro, cujo resultado serviu de embrião para o trabalho do GEDIC.

Causa enorme estranheza que às vésperas do encaminhamento ao Congresso um setor específico das emissoras de televisão tenha se manifestado violentamente contra o processo. É importante ressaltar que um representante da ABERT participou ativamente como membro efetivo do GEDIC.

Mais uma vez a TV brasileira, uma concessão pública, tenta imobilizar qualquer tipo de participação na atividade audiovisual independente, ao contrário do que acontece no mundo inteiro, até mesmo nos Estados Unidos, onde as emissoras de TV têm limites muito claros à sua atuação.

Não é possível que a atividade audiovisual continue sendo tratada sem a atenção que o assunto merece.

A iniciativa do Governo de criar um Grupo de Trabalho para propor uma política orgânica para a atividade audiovisual é um ato histórico e de grande percepção da importância da atividade.

A participação das TVs nesse processo é fundamental. Esperamos que a tramitação desse projeto para o audiovisual brasileiro não seja interrompido após toda essa discussão.

SICESP - Sindicato da Indústria Cinematográfica de São Paulo
Assunção Hernandes

SINDICINE - Sindicato dos Trabalhadores na Indústria Cin. SP
Walter Lazzarini

APACI - Associação Paulista de Cineastas
Tony Venturi

FORCINE - Fórum Brasileiro de Ensino de Cinema e Audiovisual
Dora Mourão

ABD- Associação Brasileira de Documentaristas
Leopoldo Nunes


Comente aqui...


Você precisa digitar algo na caixa de texto.
Não foi possível enviar seu comentário.
Informe um e-mail válido.
Você precisa informar um nome.
Você precisa digitar algo na caixa de texto.

Jornal do Curta


[confira outras notícias]