Curta nas Telas exibe aniamação infantil sobre Amazônia ::  | Curta o Curta

Curta nas Telas exibe aniamação infantil sobre Amazônia

Por Guilherme Whitaker em 27/08/2010 08:32


O projeto Curta nas Telas exibe de 27 de agosto a 09 de setembro o curta PAJERAMA, de Leonardo Cadaval, na Sala 03 do Unibanco Arteplex, acompanhando o longa Meu Malvado Favorito, de Pierre Coffin e Chris Renaud, nas suas quatro sessões diárias (13h, 15h, 17h e 19h).

 

Pajerama em tupí significa "futuro pajé". O curta de Leonardo Cadaval é irônico e nos remete à verdadeira selva em que vivemos: a cidade e seu processo de feroz de urbanização. Pajerama pode ser visto como um alerta contra a devastação da Amazônia. Animação preciosa para pensarmos a natureza a partir do olhar singelo e preocupado de seus maiores defensores, os índios.

 

Pajerama, de Leonardo Cadaval (São Paulo, animação, 9 minutos, cor, 35mm, 2008) – Censura Livre.

Sinopse: Um índio passa por uma torrente de experiências estranhas, revelando mistérios a respeito do tempo e espaço.

Premiação: Melhor Curta-metragem para juventude – Festival Internacional de Oberhausen 2008 / Melhor Curta-metragem – Festival Internacional de Curtas-metragens de Belo Horizonte 2008 / Melhor Curta de Animação – Festival de Curtas de Sergipe – Cine SE / Melhor Curta-metragem de Animação e Melhor Trilha Sonora Original no Festival Audiovisual do Mercosul – FAM 2008 / Melhor Curta-metragem de Animação no Festicine Amazônia (2008) / Melhor Trilha Sonora Original no Festival Guarnicê de Cinema do Maranhão 2008 / Melhor Edição de Som – Festival de Cinema e Vídeo de Cuiabá 2008 / Melhor Trilha Original – Granimado Festival Brasileiro de Animação 2008.

 

INFORMAÇÕES SOBRE O CURTAS NAS TELAS

 

O projeto Curta nas Telas é fruto de convênio entre a Prefeitura Municipal de Porto Alegre, o Sindicato das Empresas Exibidoras do Rio Grande do Sul e a Associação Profissional dos Técnicos Cinematográficos do Rio Grande do Sul e Brasileira de Documentaristas (APTC – ABD/RS) e seu objetivo é divulgar a produção nacional de curtas-metragens, por meio de sua exibição no circuito de cinema de Porto Alegre. Em 34 edições foram exibidos 225 curtas de todo o Brasil.

 

Os demais premiados na 35ª edição do Curta nas Telas são: Josué e o Pé de Macaxeira, de Diogo Viegas, Saliva, de Esmir Filho, Disputa Entre o Diabo e o Padre pela Posse do Centê-for na Festa do Santo Mendigo, de Eduardo Duval e Francisco Tadeu, Alguém Tem que Honrar essa Derrota!, de Leonardo Esteves, Quarto de Espera, de Bruno Carboni e Davi Pretto, Cinco Minutos, de Ricky Mastro; Ana Beatriz, de Clarissa Cardoso; Bicho, de Vitor Brandt e Ícarus, de Victor-Hugo Borges, já exibidos; Romance 38, de Vitor Brandt e Vinícius Casimiro; Rosa e Benjamin, de Cléber Eduardo e Ilana Feldman.

 

www.curtanastelas.blogspot.com

 


Comente aqui...


Você precisa digitar algo na caixa de texto.
Não foi possível enviar seu comentário.
Informe um e-mail válido.
Você precisa informar um nome.
Você precisa digitar algo na caixa de texto.

Jornal do Curta


[confira outras notícias]