Curta

Curta " Recife Inver$o$ - Fragmentos do Delírio Cotidiano" é lançado em Recife

Por Guilherme Whitaker em 18/07/2004 13:14


Curta  " Recife Inver$o$ - Fragmentos do Delírio Cotidiano"  Ã© lançado em Recife

O curta em vídeo, "Recife Inver$o$ - Fragmentos do Delírio Cotidiano", de Edgar Arruda, finalmente estreou no Recife, no dia 19 de junho de 2004, no Espaço Rosarinho. As gravações ocorreram em 1999, nos decadentes bairros da Boa Vista e Coelhos na capital pernambucana. O principal personagem é o próprio povo da área, mas o vídeo, inspirado em livro do filósofo russo P.D. Ouspensky, narra também a decadência de um pedante advogado - vivido por Henrique Amaral, que viveu o poeta Carlos Pena Filho, no curta "Soneto do Desmantelo Blue" , de Cláudio Assis, atuando ainda em outros curtas pernambucanos como "O Bandido da Sétima Luz", "Chá", "O Último Bolero no Recife", "Evocações...Nélson Ferreira", "O Crime da Imagem", "Simião Martiniano, o Camelô do Cinema" e o inacabado "Tapacurá". O citado personagem foi abandonado pela esposa, agora uma garota de programas (vivida por Aretha Ferreira, que figurou em "Casa-Grande & Senzala", minissérie de Nélson Pereira dos Santos). As imagens são de Luca Barreto e Guilherme Torres, com edição de Maira e Adah Lisboa e Edgar Arruda. São 27 minutos de muito lirismo e ao mesmo tempo muito soco no estômago. A realização foi bolada por um grupo ligado à Universidade Federal de Pernambuco, formado por Alexandra Pötter, Juliana Guedes, Luca Barreto e Edgar Arruda. Arruda está lançando o vídeo na Espanha onde encontra-se atualmente.

Por Henri Amaral - henryamaral@bol.com.br


Comente aqui...


Você precisa digitar algo na caixa de texto.
Não foi possível enviar seu comentário.
Informe um e-mail válido.
Você precisa informar um nome.
Você precisa digitar algo na caixa de texto.

Jornal do Curta




[confira outras notícias]