Divulgados os vencedores do edital Brasil-Argentina 2013 ::  | Curta o Curta

Divulgados os vencedores do edital Brasil-Argentina 2013

Por Curta o Curta em 01/07/2013 14:33


Em reunião realizada na terça-feira, 25/6, em Buenos Aires, a Comissão Binacional de Seleção do Edital de Coprodução Brasil-Argentina escolheu os quatro projetos vencedores do concurso promovido em parceria pela ANCINE e pelo Instituto Nacional de Cine y Artes Visuales - INCAA. Ao todo, 17 projetos concorreram ao prêmio de 1 milhão de dólares oferecido pelo edital.

Segundo o diretor-presidente da ANCINE, Manoel Rangel, "os editais de coprodução atuam no sentido de estimular as trocas culturais, ampliando o horizonte da criação artística, mas também na perspectiva de ampliar as condições de financiamento e expandir o mercado potencial dessas obras”.

Foram selecionados dois projetos de coprodução majoritária brasileira, que receberão um apoio financeiro equivalente a US$ 200 mil concedido pelo INCAA às coprodutoras minoritárias argentinas e mais US$ 50 mil concedidos pela ANCINE às coprodutoras majoritárias brasileiras. Os vencedores são:

"Mate-me Por Favor", de Anita Rocha Da Silveira, apresentado por REI Cine, tendo a Bananeira Filmes Ltda. na qualidade de coprodutora majoritária brasileira; e "Divã 2", de Cininha de Paula, apresentado por Aleph Media S.A., tendo a Total Entertainment Ltda. na qualidade de coprodutora majoritária brasileira.

Já os projetos de coprodução majoritária argentina receberão, segundo o edital, um apoio financeiro equivalente a US$ 250 mil, concedido pela ANCINE às empresas coprodutoras minoritárias brasileiras. Os escolhidos foram:

"Vergel", de Kris Niklison, apresentado por Casa das Artes Produtora de Filmes Ltda., tendo María Cristina Niklison na qualidade de coprodutora majoritária argentina; e "Sueño Florianopolis", de Ana Katz, apresentada por Prodigo Films Ltda., tendo a Campo Cine na qualidade de coprodutora majoritária argentina.

Como suplentes foram selecionados os projetos "Lua em Sagitário", apresentado por Saula Benavante, na qualidade de coprodutora minoritária argentina; e "Refugiado", apresentado pela Bossa Nova Films Criações e Produções Ltda., na qualidade de coprodutora minoritária brasileira.

A Comissão Binacional de Seleção foi formada pela produtora Mariza Leão, pelo crítico de cinema José Carlos Avellar e pelo Assessor Internacional da ANCINE, Eduardo Valente; e na parte argentina pelos produtores Vanessa Ragone (de O Segredo dos Seus Olhos, entre outros filmes) e Juan Pablo Gugliotta (de El Prémio e O Assaltante, entre outros) e pelo gerente de assuntos internacionais do INCAA, Bernardo Bergeret. Os membros da comissão destacaram em seu trabalho o desejo de cumprir com os amplos objetivos do edital. Assim, a lista de selecionados revela uma tentativa de combinar a escolha de títulos com forte teor autoral e capacidade de penetração nos maiores festivais de cinema do mundo, com títulos que podem buscar uma presença firme no mercado de salas de cinema, não apenas do país majoritário, como também tendo potencial de aumentar e incentivar a presença do cinema de cada país nas salas de seus parceiros minoritários.

Clique aqui para ler a íntegra da Ata.

Fonte: ANCINE


Comente aqui...


Você precisa digitar algo na caixa de texto.
Não foi possível enviar seu comentário.
Informe um e-mail válido.
Você precisa informar um nome.
Você precisa digitar algo na caixa de texto.

Jornal do Curta




[confira outras notícias]