DOMÉSTICAS, O FILME é aplaudido em sua estréia mundial ::  | Curta o Curta

DOMÉSTICAS, O FILME é aplaudido em sua estréia mundial

Por Guilherme Whitaker em 31/01/2001 10:16


DOMÉSTICAS, O FILME é aplaudido em sua
pré-estréia mundial

Por Francisco Cesar Filho


Sala lotada, lotação esgotada, muitas risadas durante a projeção e longos aplausos no final: assim foi a pré-estréia mundial do longa-metragem DOMÉSTICAS, O FILME no 30º Festival Internacional de Cinema de Roterdã, na Holanda, que termina no próximo domingo. A receptividade do público, que surpreendeu os diretores do filme Fernando Meirelles e Nando Olival, foi acompanhada de pedidos de entrevistas por emissoras de televisão e críticas elogiosas nos jornais. Exibido dias 27 e 28, sábado e domingo, em sessões lotadas no Cine Pathé, DOMÉSTICAS, O FILME tem hoje, 30/01, sua última apresentação no evento, no Cine Venster. O filme é o único entre os doze títulos brasileiros selecionados que participa da mostra competitiva VPRO Tiger Awards.

Segundo o periódico holandês Daily Tiger, responsável pela cobertura diária do Festival de Roterdã, DOMÉSTICAS, O FILME "lembra uma canção de Neil Young que fala sobre as indispensáveis removedoras de bagunças". Para o jornal, a maneira como o filme brasileiro equilibra os problemas e os sonhos de suas personagens faz com que DOMÉSTICAS seja uma das grandes surpresas do Festival.

Estão em Roterdã acompanhando as primeiras projeções públicas de DOMÉSTICAS, O FILME, além dos dois diretores, os seguintes integrantes da equipe de produção da O2 Filmes: Andrea Barata Ribeiro, Bel Berlinck e Daniel Lieff.

DOMÉSTICAS, O FILME é o primeiro longa-metragem da produtora paulista O2 Filmes, que conquistou grande número de premiações nos últimos anos para seus curtas LÁPIDE (Paulo Morelli), UM DIA ... E LOGO DEPOIS UM OUTRO (Nando Olival & Renato Rossi), IMMINENTE LUNA (Maurício Lanzara), E NO MEIO PASSA UM TREM (Fernando Meirelles & N. Olival) e CONCEIÇÃO (Heitor Dhalia & Renato Ciasca) – os dois últimos exibidos em Roterdã-2000. Partindo de pesquisas realizadas para a peça teatral Domésticas, encenada com grande sucesso por Renata Melo em 1998, o filme trafega pela comédia, imprimindo um surpreendente tom documental em muito momentos. Fernando Meirelles, que havia co-dirigido O Menino Maluquinho 2 – A Aventura, inicia ainda neste semestre as filmagens de Cidade de Deus, o segundo longa da O2.

Maiores informações podem ser obtidas no site http://web.archive.org/web/20040329072916/http://www.iffrotterdam.nl/.

FRANCISCO CESAR FILHO pode ser contactado
pelo email xikino2@uol.com.br ou pelos telefones (11) 3032-3057 / 9157-7433


Comente aqui...


Você precisa digitar algo na caixa de texto.
Não foi possível enviar seu comentário.
Informe um e-mail válido.
Você precisa informar um nome.
Você precisa digitar algo na caixa de texto.

Jornal do Curta




[confira outras notícias]