Festival de Clermont Ferrand exibirá curta

Festival de Clermont Ferrand exibirá curta "Cólera"

Por Guilherme Whitaker em 22/12/2005 20:25



Curta-metragem Cólera é selecionado para festival na França 


O filme Cólera, de Leandro Davico, participará da Seleção Oficial do 28º Festival de Curtas de Clermont Ferrand, na França, considerado o mais importante do gênero no mundo. Cólera, junto com Eletrodoméstica (PE, 35mm), de Kleber Mendonça Filho, representará o cinema brasileiro no seleto grupo de 77 filmes escolhidos dentre os 3.630 inscritos de todo o mundo.

O festival, que ocorre entre 27 de janeiro e 4 de fevereiro de 2006, é o segundo maior da França em termos de público, atrás somente do Festival de Cannes.

Cólera recebe prêmio em Gramado e Brasília

Cólera foi o trabalho de conclusão de Leandro Davico e de uma equipe formada por alunos do Curso de Cinema da Universidade Estácio de Sá, no Rio de Janeiro. Produzido com recursos da universidade e a colaboração voluntária do elenco, o filme contou ainda com o apoio de pequenos comerciantes e de empresas parceiras da Estácio de Sá. As canções do filme foram cedidas pelo cantor e compositor Jorge Aragão e pela gravadora Indie Records.

Finalizado em abril de 2005, Cólera participou de festivais em diversos estados do país e foi o único filme no ano premiado nos dois mais importantes eventos do cinema nacional: o Festival de Gramado (prêmio de melhor roteiro e melhor atriz para Rosane Corrêa) e o Festival de Brasília (melhor atriz para Rosane Corrêa). No início de dezembro, o curta conquistou o maior número de prêmios do 4º Festival Brasileiro de Cinema e Vídeo Universitário (Nóia), realizado em Fortaleza, ganhando os troféus de melhor filme, melhor direção, melhor ator (Cosme dos Santos) e melhor atriz (Rosane Corrêa).

O filme também foi convidado a participar do Festival Tangolomango, que acontece no Rio de Janeiro, e já havia sido exibido na Europa, fora de competição, no Festival Internacional de Curtas-Metragens ’La Boca del Lobo’, que aconteceu no mês outubro, em Madrid, Espanha.

No Brasil, Cólera ainda poderá ser assistido entre os dias 20 a 28 de janeiro de 2006 na Mostra de Cinema de Tiradentes, e na Mostra do Filme Livre, em fevereiro no Rio de Janeiro.


Sobre o diretor
Leandro Davico iniciou sua carreira na área de áudio e vídeo, devido à sua formação técnica em eletrônica. Fez estágio na TV CEFET e depois ingressou na Bolsa de Valores do Rio de Janeiro, sendo o responsável pelo suporte audiovisual da empresa.

Para concluir sua graduação em Cinema pela Universidade Estácio de Sá, Leandro roteirizou, dirigiu e montou o curta-metragem Cólera, rodado e finalizado em 16 mm. Esta foi a sua estréia como diretor.

Atualmente, Leandro é roteirista e diretor de vídeos institucionais e documentários na Onix Produções. Seu mais recente trabalho como diretor é o documentário para TV "Sacolão", que está em fase de finalização. 


Sobre a atriz

Com o curta-metragem Cólera, Rosane Corrêa ganhou três prêmios no mesmo ano: melhor atriz no 33º Festival de Cinema de Gramado, no 38º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro e no 4º Festival de Cinema e Vídeo Universitário de Fortaleza.

A atriz, que esteve em cartaz em agosto com a peça “O Anjo Negro”, de Nelson Rodrigues, com direção de Nelson Rodrigues Filho, é dubladora de séries, filmes e desenhos animados e cantora. Rosane também participou das novelas “A Força de um Desejo”, “O Cravo e a Rosa” e “Um Anjo caiu do céu”, da Rede Globo.

Ficha Técnica Principal
Elenco:
Rosane Corrêa
Cosme dos Santos
Alex Nader
Paulo Serra
Marcos Ferlim
André Américo

Roteiro e Direção .................................................. Leandro Davico
Direção de Produção................... Mariana Siffert, Marcelo Assunção e Bianca Lewkowics
Direção de Fotografia.................................... Ana Cristina Andrades
Câmera..........................................................................Tim Brás
Direção de Arte .......................................................... Alex Nader
Figurino.......................................Fernanda Barreto e Joana Batalha
Montagem..................................... Rommel Prata e Leandro Davico
Som direto e edição de som.........................................Paulo Senise
Música.....................................................................Jorge Aragão
Empresa produtora.................................Universidade Estácio de Sá

Sinopse: Maria é uma mulher que se cansa de ser extorquida pela polícia, por traficantes e taxas públicas. Ela se revolta e resolve desafiar os traficantes descumprindo uma ordem deles. Seu marido tem muito medo de vingança, mas ela não parece disposta a voltar atrás.

Contato:
Leandro Davico
ldavico@terra.com.br
ldavico@onixproducoes.com.br


Comente aqui...


Você precisa digitar algo na caixa de texto.
Não foi possível enviar seu comentário.
Informe um e-mail válido.
Você precisa informar um nome.
Você precisa digitar algo na caixa de texto.

Jornal do Curta


[confira outras notícias]