Festival exalta produções do cinema nacional ::  | Curta o Curta

Festival exalta produções do cinema nacional

Por Guilherme Whitaker em 19/09/2012 12:40


Os amantes do cinema terão mais uma oportunidade para conferir nas telonas alguns dos principais filmes lançados recentemente. Foram mais de 800 produções inscritas no Curta Santos — Festival de Cinema de Santos. Destes, apenas 70 serão exibidos entre os dias 17 e 23 de setembro, período em que acontece sua 10ª edição.

Considerado um dos principais eventos cinematográficos do País, o Festival contará com oito mostras competitivas de curta-metragem, sendo cinco em âmbito nacional e três dedicadas à produção regional, além da exibição de longas-metragens.

Serão exibidas produções originadas em São Paulo, Ceará, Sergipe, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Mato Grosso, Rio Grande do Sul, Distrito Federal, Espírito Santo e até uma produção holandesa.

“Acreditamos no potencial do Curta Santos e, hoje, temos a certeza de que ele já alcançou reconhecimento nacional. Superamos o número de inscrições dos anos anteriores e conseguimos consolidar o litoral de São Paulo como um importante polo audiovisual, presente no circuito dos festivais brasileiros”, afirma Ricardo Vasconcellos, diretor-geral do Curta Santos.

As categorias competitivas de curta-metragem em âmbito nacional são: ‘Olhar Brasilis’, ‘Videoclipe Brasilis’, ‘Novos Olhares’, ‘Mostra Curta Santos F.C’. e ‘Mostra Minuto’. As mostras direcionadas aos realizadores do litoral de São Paulo são a ‘Olhar Caiçara’, ‘Videoclipe Caiçara’ e ‘Curta Escola’.

Para a mostra não-competitiva de filmes de longa-metragem, foram selecionadas produções que estão fora do circuito comercial, mas que, fundamentalmente, oferecem um panorama verídico e real da qualidade das produções nacionais. São eles: ‘Eu Receberia as Piores Notícias Desses Seus Lindos Lábios’, de Beto Brant e Renato Ciasca; ‘Febre do Rato’, de Cláudio Assis; ‘Vou Rifar Meu Coração’, de Ana Rieper; ‘Augustas’, de Francisco Cesar Filho; e ‘A Laje dos Sonhos’, de Raquel Pellegrini.

Centenário do Santos FC

Para ficar alinhado ao contexto da cidade, este ano o Festival presta homenagem aos 100 anos do Santos Futebol Clube, peça importante na divulgação da escola do futebol brasileiro pelo mundo. A intenção é fazer uma união de festas entre áreas que sempre foram convergentes: o futebol e o cinema.

Homenagem

A atriz paulista Laura Cardoso foi homenageada ao receber o prêmio Lilian Lemmertz pelo conjunto de seu trabalho no cinema brasileiro. A cerimônia aconteceu na abertura do Festival, segunda-feira (17).

Desde a década de 60, Laura atua em filmes nacionais. Também em cinema se salientou, fazendo “Quincas Borba (1987)” e “Terra Estrangeira (1995)”. O fato curioso é que Laura já participou de uma produção em homenagem ao melhor jogador de futebol do mundo. O “Rei Pelé” é um filme brasileiro de 1962.

Em novembro de 2006, Laura recebeu do presidente Luiz Inácio Lula da Silva a Ordem do Mérito Cultural, concedida a personalidades que se destacam por sua contribuição à cultura brasileira.

Fonte: Panorama Brasil


Comente aqui...


Você precisa digitar algo na caixa de texto.
Não foi possível enviar seu comentário.
Informe um e-mail válido.
Você precisa informar um nome.
Você precisa digitar algo na caixa de texto.

Jornal do Curta

[confira outras notícias]