FIRJAN divulga resultado de concurso para jovens criativos ::  | Curta o Curta

FIRJAN divulga resultado de concurso para jovens criativos

Por Guilherme Whitaker em 28/05/2008 08:42


O Sistema FIRJAN realizou concursos para revelar novos talentos universitários nas áreas de design, cinema e ambientes projetados. Os vencedores do Desafio Rio Criativo (concurso para os recém-formados nas áreas de design e arquitetura) e do Curta Criativo (destinado aos alunos de Comunicação Social) serão conhecidos durante as comemorações da Semana da Indústria, nesta terça-feira, dia 27 de maio.

Os primeiros classificados receberão prêmios no valor de R$ 100 mil, sendo R$ 10 mil e R$ 8 mil, respectivamente, para os primeiros e segundos lugares. São sete vencedores entre alunos de Comunicação Social, que concorreram com curtas-metragens, e recém-formados que apresentaram os melhores trabalhos de design de produto e de ambientes projetados, e das áreas de design e ambientes projetados. A exigência comum a todos os candidatos foi que o Rio de Janeiro fosse o tema central de suas criações.

Os curtas premiados serão exibidos no Canal Brasil e no Cine Glória, além do Cineclube Associação Brasileira de Documentaristas e Curtametragistas, na Casa Rui Barbosa, em sessão coletiva. Quatro dos curtas selecionados serão projetados, legendados em francês, no 10º Festival de Cinema Brasileiro, em Paris, que vai de 21 a 27 de maio. Um dos vencedores será apresentado no encerramento do Festival, antes de "Ninguém sabe o duro que dei", filme dirigido por Claudio Manoel, Micael Langer e Calvito Leal sobre a carreira do cantor popular Wilson Simonal. Os vencedores também ganharão quatro latas de negativos de 16 mm como incentivo para fazer seu próximo filme.

Mais visibilidade aos novos artistas também será dada com participação dos trabalhos premiados nas áreas de design e ambientes projetados na Mostra Rio Criativo do Museu de Belas Artes. De acordo com o regulamento do concurso, em design de produto só foram aceitos trabalhos com uma das três matérias primas produzidas em larga escala no Estado do Rio de Janeiro: plástico, aço e rochas ornamentais (mármores e granitos).

Os trabalhos vencedores na categoria ambientes projetados reuniram áreas da indústria criativa na projeção de espaços para convívio, trabalho e lazer, com comprovação de ser economicamente viável e de preservação do meio ambiente.

A busca por novos talentos para o desenvolvimento da indústria criativa do Rio está alinhada com uma das propostas formuladas no Mapa do Desenvolvimento do Estado do Rio de Janeiro, lançado pelo Sistema FIRJAN há pouco mais de um ano, com a colaboração e participação direta de mais de mil empresários.

Na comemoração da Semana da Indústria, a FIRJAN irá valorizar o novo mundo da era da informação, em que os produtos mais valiosos são idéias e significados, produzidos não por máquinas, mas pela imaginação. A economia criativa, setor que cresce em média 10% ao ano no mundo, responde por 8,7% do Produto Interno Bruto (PIB) global, de acordo com dados do relatório da UNCTAD (Organização das Nações Unidas para Comércio e Desenvolvimento).

O Sistema FIRJAN, na Semana da Indústria, vai discutir o impacto da indústria cultural na economia e seus efeitos em questões sociais, como geração de empregos e renda. A discussão envolve, ainda, várias outras atividades relacionadas com criação e direitos autorais, capazes de agregar valor a mercadorias e serviços.

Classificados do Curta Criativo

Categoria: DOCUMENTÁRIO

1º lugar: Dia sim, dia não
Eveline Cunha Costa
Escola Darcy Ribeiro-direção - 1º período
Sinopse: Vídeo maker decide saltar do ônibus em que estava, na Zona Sul do Rio de Janeiro, para uma entrevista, quando avista homem que, atrapalhando o trânsito e correndo perigo, empurra carrinho feito de casco de geladeira, em plena Avenida Niemeyer.

2º lugar: Rio Metrópole
Mikael Carlos Martins Santiago
Universidade Estácio de Sá - Cinema - 6º período
Sinopse: Rio de Janeiro, cidade rica em belezas naturais, com lindo relevo e clima ameno. Mas é, também, lugar onde o homem pós-moderno continua sua busca por espaço, avanço tecnológico e riqueza material. O filme acusa, através de um ponto de vista pouco usual, a frágil relação entre homem, sociedade de consumo e máquinas.

Categoria: CELULAR

1º lugar: Para meu amigo
Marina P. de C. G. Conceição e Manuela Pinaud Rente
UFF - Universidade Federal Fluminense – Cinema - 8º período
Sinopse: Este não é um filme sobre saudade. É um filme-carta para um amigo que foi morar longe. Uma menina registra com seu celular tudo o que a faz pensar nele, e parece que a cidade está marcada por lembranças. Esse é um filme sobre o Rio de Janeiro visto pela memória afetiva de dois amigos.

2º lugar: Ligações Cariocas
Vítor Munhoz Machado Garcia de Oliveira
UFF - Universidade Federal Fluminense – Jormalismo - 8º período
Sinopse: Durante uma tarde de sábado, jovem carioca liga para os amigos para saber qual é "a boa noite". Ninguém dá a resposta definitiva, mas enquanto se comunicam, a cidade é descrita – visual e verbalmente – a partir do local em que cada um estava quando recebeu a ligação. À noite, por acaso, a surpresa de um grande encontro.

Categoria: ANIMAÇÃO

1º lugar: Ciclovia
Júnia Monteiro Matsuura
UFF - Universidade Federal Fluminense – Cinema - 1º período
Sinopse: Um ciclista passeia pelo Rio de Janeiro, passando por locais representativos da cidade e vivenciando cenas cotidianas dos cariocas.Tais cenas, ora positivas, ora negativas, influem no ânimo do personagem.

2º lugar: A Velha da Verdade
Luiz Gustavo Mudesto Silva Del Duca
Universidade Veiga de Almeida – 4º período
Sinopse: Baseado na realidade brasileira vivida pelos idosos, o filme mostra a situação de abandono e descaso com aqueles que já produziram muito para a sociedade. O filme se passa numa praça do Rio de Janeiro e ao longo de um dia a realidade se mostra mais dura do que se parece.

Categoria: FICÇÃO

1º lugar: Sete vidas
Gabriel Bortolini
Universidade Estácio de Sá - Cinema - 1º período
Sinopse: Celular de duas turistas é roubado em plena orla de Ipanema e passa pelas mãos de sete pessoas, mostrando suas vidas sob diversos aspectos e em vários locais da cidade do Rio de Janeiro.

Classificados do Desafio Rio Criativo

Ambientes Projetados

1º lugar - "Sistema Construtivo em Madeira", de Marcela Marques Abla – Curso de Arquitetura e Urbanismo da PUC-Rio
Sinopse: Projeto de um sistema construtivo modular, com base no aproveitamento de material que atualmente é descartado por madeireiras. Utiliza eucalipto, o que mostra preocupação ambiental com todo o ciclo do processo construtivo, desde a extração do material, manejo, construção, manutenção até o descarte, visando economia e mínimo desperdício de material.
A montagem é feita no local da obra, evitando a produção de resíduos. A água utilizada pela casa é captada por declividade ou por acúmulo de água pluvial. A instalação elétrica passa diretamente do telhado para a casa e o esgoto funciona no sistema de biodigestor, sendo direcionado por um dos apoios das treliças ao solo. A casa foi posicionada em ângulo próprio em relação às treliças, privilegiando a vista e permitindo o maior aproveitamento solar por parte do atelier.

2º lugar - "Orfanato", de Luiza Mesquita Marinho – Curso de Arquitetura e Urbanismo da PUC/Rio
Sinopse: Projeto de um orfanato que funciona também como uma creche para as comunidades carentes de São Cristóvão. Além de buscar conforto térmico dos ambientes, o projeto incorporou conceitos de cuidado com o lixo produzido; escolha de materiais ambientalmente mais adequados; reaproveitamento da água da chuva; aquecimento solar da água; energia solar com a utilização de painéis fotovoltáicos; plantação e preservação das árvores existentes e uma horta.

Design de Produto

1º lugar - "Play - Soccer Sock", de Rick de Moraes – Curso de Desenho Industrial da PUC/Rio
Sinopse: A partir de uma análise sobre calçados para futebol, foi criado um modelo com o material inovador D3o, desenvolvido recentemente na Inglaterra, que proporciona a sensação de jogar descalço com a proteção igual ou maior do que de uma chuteira. O D3o é macio, dobrável, um pouco elástico e, quando recebe um impacto, instantaneamente reage enrijecendo-se, formando uma espécie de corpo protetor, seu principal conceito.

2º lugar - "Compatto", de Rodrigo Marques Ribeiro Guimarães – Curso de Desenho Industrial da PUC/Rio
Sinopse: O projeto consiste em um módulo dentário portátil desenvolvido para proporcionar atendimento em domicílio, completo e de alto nível, sem que o dentista dependa de ajuda para transportá-lo. O consultório deverá atender em empresas, domicílios, escolas e comunidades carentes.


(18-05-2008)

O Sistema FIRJAN - Federação das Indústrias do Rio de Janeiro - atua junto às indústrias do Estado do Rio de Janeiro para transformar talento e empreendedorismo em desenvolvimento econômico, social e cultural.

Por conhecer tão bem o Rio, o Sistema FIRJAN acredita e investe num conceito visionário de inovação - A Indústria Criativa. Indústrias Criativas são todas aquelas que inserem criatividade e cultura em seu processo produtivo. Moda, música, web, lazer, software, cinema são exemplos de indústrias que utilizam o pensamento criativo como matéria-prima.

E essa matéria-prima, a CRIATIVIDADE, recebe aditivos especiais quando falamos de Rio de Janeiro. O sol forte que aquece idéias, a paisagem que inspira e o passado de pioneirismo na produção cultural do Brasil reforçam a vocação do estado para referência em indústrias especiais, originais e, principalmente, criativas.

Essa indústria gera, além de produtos com alto valor agregado, empregos, renda, desenvolvimento, revelação de talentos, responsabilidade social e inovação. Assim como toda indústria.

E é por tudo isso que o Sistema FIRJAN escolheu o tema Indústria Criativa para comemorar em maio o Dia da Indústria de 2008. E a grande celebração acontecerá através de uma série de eventos e movimentos chamada RIO CRIATIVO.

O RIO CRIATIVO é multidisciplinar e irá revelar talentos, reunir ícones de criatividade, homenagear instituições formadoras de profissionais da Indústria Criativa, sensibilizar investidores e debater caminhos para o crescimento da Indústria Criativa no estado do Rio de Janeiro.

O RIO CRIATIVO terá o FÓRUM CRIATIVO, que vai debater idéias e reunir referências para orientar o futuro da Indústria Criativa no estado; O DESAFIO CRIATIVO para revelar novos talentos do cinema, design e ambientes projetados; e, por fim, a MOSTRA RIO CRIATIVO, que irá expor a produção criativa do Rio no passado, presente e futuro.

Visite, comente, divulgue, conte para todo mundo. O RIO CRIATIVO é realizado pelo Sistema FIRJAN, mas só acontece se você acreditar na idéia de que o pensamento criativo move o Rio de Janeiro e o mundo. E claro, a Indústria.



O Rio de Janeiro é pioneiro na produção audiovisual do Brasil. O primeiro cinema, a primeira sessão e o primeiro filme realizado no Brasil aconteceram aqui.

Apoiado nesse histórico de inovação, o Sistema FIRJAN acredita no futuro do Cinema do Rio. Para isso, lançou o concurso CURTA CRIATIVO, um incentivo à produção dos novos talentos. O objetivo é premiar universitários de cinema e comunicação, para que eles possam realizar seu primeiro curta-metragem profissional.

A Comissão Julgadora irá escolher 1º e 2º lugar de cada categoria. Como prêmio, seus responsáveis receberão respectivamente R$ 10.000,00 e R$ 8.000,00 como incentivo para continuar a contribuir para o desenvolvimento da Indústria Criativa, além de negativos da Kodak e outros prêmios de empresas parceiras. Os curtas vencedores participarão da MOSTRA RIO CRIATIVO, que acontece no Museu Nacional de Belas Artes em maio, serão exibidos no Canal Brasil e no Cine Glória.

A premiação será no dia 27 de maio, fechando uma intensa programação na sede da FIRJAN, confira abaixo o que vai rolar:

08:30h - Credenciamento

09:00h - Abertura: Eduardo Eugenio Gouvêa Vieira - Presidente do Sistema FIRJAN

09:15h - Painel I: Panorama das Indústrias Criativas Rio - Brasil - Mundo

Gilberto Gil - Ministro da Cultura

Philip Dodd - Consultor em Industrias Criativas da Inglaterra

Julio Bueno - Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Energia, Indústria e Serviços

Moderador: Chico Pinheiro - Jornalista

10:45h - Painel II: Criativos do Rio para o Mundo

Nelson Motta - Escritor e Produtor Musical

Mauro Mattos - Publicitário

Sergio Rodrigues - Arquiteto

Adriana Rattes - Secretária de Estado de Cultura

Moderador: Chico Pinheiro - Jornalista



TEMÁTICAS SIMULTÂNEAS - 14:00h

SALA 1: Produto

Roberto Stern - H. Stern

José Luiz Abicalil - Haga Metais

Jacqueline De Biase - Salinas

Fred Gelli - Agência Tátil Design

Gilson Martins - Designer de Bolsas

Moderadora: Cristiane Alves - Sistema FIRJAN


SALA 2: Ambientes Projetados

Bob Neri - Arquiteto

Roberio Dias - Paisagista

Muti Randolph - Designer

Ernani Freire - Arquiteto

Maurício Nóbrega - Design de Interiores

Moderador: Bernardo Schlaepfer - Sistema FIRJAN


SALA 3: Mídias, Comportamento e Cultura

Walter Carvalho - Diretor de Cinema

Sandra Werneck - Diretora de Cinema

Tim Rescala - Compositor, Arranjador, Autor Teatral e Músico

Maria Augusta Rodrigues - Carnavalesca , Folclorista e Artista Plástica

Anna Bella Geiger - Artista Visual

Moderadora: Fabiana Scherer - Sistema FIRJAN


16:30h - Entrega dos Prêmios Acadêmicos

Desafios Rio Criativo - Design de Produto e Ambiente Projetado

Curta Criativo - Concurso de Curtas- Metragens


18:00h – Encerramento



Comente aqui...


Você precisa digitar algo na caixa de texto.
Não foi possível enviar seu comentário.
Informe um e-mail válido.
Você precisa informar um nome.
Você precisa digitar algo na caixa de texto.

Jornal do Curta




[confira outras notícias]