Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis firma parceria com Curta o Curta ::  | Curta o Curta

Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis firma parceria com Curta o Curta

Por Guilherme Whitaker em 04/10/2010 12:52


No final de setembro, após cerca de 3 meses de negociação, a Curta o Curta e a Mostra de Cinema infantil de Florianópolis firmaram parceria com o objetivo de promover o crescimento da circulação e da exibição de filmes infantis nacionais de curta-metragem com geração de receita para os produtores.

A Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis é o primeiro evento no país dedicado ao audiovisual produzido para o público infanto-juvenil. Criada há nove anos por Luiza Lins, o evento é considerado o maior do gênero no Brasil, sendo reconhecido por utilizar o cinema como um instrumento de inclusão, educação e intercâmbio de culturas. Sua programação apresenta sessões de curtas-metragens, pré-estreias nacionais e internacionais de longas-metragens e mostras especiais, além de oficinas, palestras e debates. Anualmente, cerca de 25 mil crianças acompanham a Mostra, que mobiliza também professores e famílias, durante duas semanas. Hoje, o evento é referência no Ministério da Cultura para o desenvolvimento do cinema infantil e se destaca por incentivar à produção.

A Curta o Curta é a primeira e única distribuidora brasileira especializada em filmes de curta-metragem nacionais. Oferece licenciamento de filmes do Catálogo Curta o Curta para exibição em salas físicas - por instituições promotoras culturais públicas e privadas, e em mídia eletrônica - por empresas da área de telefonia celular 3G, IPTV, mídia indoor e televisão. Desenvolveu um modelo de negócios exclusivo e inovador, no qual produtores se beneficiam de todo e qualquer contrato que gere receita pelo licenciamento de seus filmes, e têm suas operações baseadas em sistemas de TI. Criada em 2005, mantém o pioneirismo do website Curta o Curta, que nasceu em 2000 como o primeiro site brasileiro dedicado exclusivamente ao curta-metragem nacional. Desde o início de suas operações comerciais, em 2007, já negociou cerca de 200 licenças remuneradas de curtas para exibições em salas físicas, TV, celulares e Internet. Um dos principais focos é o licenciamento para escolas. Em 2008 iniciou licenciamento de títulos infanto-juvenis. Hoje,  alunos e professores em cerca de 200 escolas da rede pública municipal da Secretaria de Educação da Prefeitura do Rio de Janeiro dispõe de filmes do Catálogo Curta o Curta. A distribuidora organiza, ainda, sessões para alunos da rede estadual no evento Curta no Almoço, que realiza com patrocínio da Caixa, no Centro do Rio.

A parceria visa facilitar a inclusão no Catálogo Curta o Curta de curtas-metragens infantis selecionados e premiados na Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis.

A operação é simples. A Mostra informa aos produtores com filmes selecionados a possibilidade deles entrarem em um circuito comercial ao serem incluídos no Catálogo Curta o Curta, e os recomenda para a Curta o Curta. A Curta o Curta entra em contato com os produtores e convida os filmes para avaliação. Se os filmes se adequarem ao perfil do Catálogo Curta o Curta e se os produtores estiverem de acordo, eles passarão a fazer parte do Catálogo. Os produtores podem aceitar ou não o convite pois não há compromissos a priori envolvidos. Na prática, os parceiros fazem uso da credibilidade que construíram com seu trabalho e dedicação para intensificar a comunicação entre as partes. O objetivo é promover, por meio do equilíbrio de interesses e de benefícios mútuos, a ampliação da circulação dos curtas e a geração de receita para os produtores.

Além dos filmes inscritos na próxima edição da Mostra, curtas que participaram de edições anteriores também serão indicados.

Luíza Lins, idealizadora e produtora da Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis acredita na importância da distribuição do cinema brasileiro para todas as crianças. Para ela, a parceria amplia os benefícios que seu evento oferece aos produtores: “Um país como o Brasil precisa ter um cinema forte, e para isso é essencial investir na formação de plateia. A qualidade técnica e de conteúdo dos curtas-metragens inscritos ao longo destes anos demonstra que temos talentos e recursos de sobra para realizar mais filmes para crianças e adolescentes, inclusive de longa-metragem, e alcançar muito sucesso de público e mídia. Em resumo, é isso que a Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis quer: um cinema que possa mostrar a riqueza e a diversidade do país e do mundo, que reconheça e valorize a nossa cultura, que cresça a cada ano e conquiste cada vez mais público.”

Na opinião de Guilherme Whitaker e Marcus Mannarino, sócios da Curta o Curta, a parceria chegou na hora certa. Marcus Mannarino explica: “Nosso trabalho é aproximar os filmes do público e gerar receita para os produtores. Desde 2007 apoiamos o desenvolvimento de exibidores de curtas para crianças. Na Caixa Cultural, o evento Curta no Almoço oferece, a cada edição, 2 sessões para alunos de escolas públicas. E a Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro também faz uso de filmes do Catálogo Curta o Curta para abastecer seu projeto de criação de um Cineclube em centenas de escolas da rede pública municipal. A produção infantil nacional é consistente e fantástica. E as crianças adoram. Essa parceria vai ampliar nossa capacidade de atrair novos títulos e, da mesma forma, de atender mais exibidores.” Para Guilherme Whitaker, a parceria tem grande valor estratégico. “A qualidade dos títulos do Catálogo Curta o Curta é um dos fatores críticos de sucesso de nossa operação. Não temos dúvida de que a Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis, pelo trabalho sério e consistente que desenvolve há nove anos, irá contribuir, com suas indicações, para manter o padrão”.


Comente aqui...


Você precisa digitar algo na caixa de texto.
Não foi possível enviar seu comentário.
Informe um e-mail válido.
Você precisa informar um nome.
Você precisa digitar algo na caixa de texto.

Jornal do Curta




[confira outras notícias]