REcine começa na segunda-feira, 25, no RJ ::  | Curta o Curta

REcine começa na segunda-feira, 25, no RJ

Por Curta o Curta em 22/11/2013 15:54


Começa na próxima segunda-feira, 25 de novembro, no Rio de Janeiro, e vai até o dia 29, a 12ª edição do REcine 2013 – Festival Internacional de Cinema de Arquivo. Neste ano, o festival terá o tema “Rio em Prosa e Fitas”, e terá o Rio de Janeiro como foco dos debates e de boa parte dos mais de 70 filmes da programação. Esta edição do REcine será realizada em parceria com a Cinemateca do Museu de Arte Moderna (MAM), que promove sessões dedicadas aos primeiros filmes realizados no Rio de Janeiro, e com o Centro Técnico Audiovisual (CTAv), da Secretaria do Audiovisual/Ministério da Cultura que apresenta uma seleção de reportagens raras produzidas pelo Setor de Rádio e Televisão (SRTV) da Embrafilme, entre os anos de 1976 e 1980.

Na programação das mostras informativas, serão exibidos filmes de arquivo, como o curta documentário “Cinema doméstico”, que traz imagens do bairro do Méier em 1931; obras montadas a partir de acervos audiovisuais; clássicos como “Boca de ouro” (1963), de Nelson Pereira dos Santos; “Cidade do Rio de Janeiro” (1948), documentário de Roberto Mauro; “Copacabana, mon amour” (1970), de Rogério Sganzerla, que será exibido em cópia restaurada; e “Orfeu negro” (1959), de Marcel Camus. O REcine também exibe documentários recentes sobre fatos históricos, como “O prólogo”, de Gabriel Marinho, sobre o uso da propaganda política no cinema e na TV na década de 1960; “Carioca era um rio”, dirigido por Simplício Neto, sobre o rio que deu nome aos habitantes da cidade do Rio de Janeiro; “Em busca de Iara”, de Flávio Frederico, que resgata a vida da guerrilheira Iara Iavelberg.

O REcine também exibe filmes estrangeiros que documentam o Brasil de suas épocas, como “Interlúdio” (1946) do inglês Alfred Hitchcock; “O homem do Rio” (1964), de Phillipe de Broca; “Alô, amigos” (1943), de Norman Ferguson e Wilfred Jackson, produzido pelos estúdios de Walt Disney; e o documentário “É tudo verdade” (1993), de Bill Krohn, Myron Meisel, Richard Wilson e Norman Foster, sobre a viagem do cineasta Orson Welles ao Brasil para a produção de um filme que não chegou a ser concluído. Já na mostra competitiva, participam apenas obras que utilizam imagens de arquivo, incluindo as produzidas nas oficinas de vídeo do REcine.

Toda a programação do REcine tem entrada franca, incluindo os debates nos dias 26, 27 e 28, sempre às 14. No dia 26, o tema é "Rio de Memórias: fotografia e cinema no início do século XX"; a mesa do dia 27 terá o tema "SRTV: registros do cinema brasileiro"; já no dia 28, o debate será sobre "Acervos cariocas: a renovação das imagens de arquivo". Para ter acesso à programação completa, visite o site oficial do REcine 2013 – Festival Internacional de Cinema de Arquivo.

Fonte: ANCINE


Comente aqui...


Você precisa digitar algo na caixa de texto.
Não foi possível enviar seu comentário.
Informe um e-mail válido.
Você precisa informar um nome.
Você precisa digitar algo na caixa de texto.

Jornal do Curta


[confira outras notícias]