Retrospectiva Curta Doze e Meia no Centro Cultural Correios ::  | Curta o Curta

Retrospectiva Curta Doze e Meia no Centro Cultural Correios

Por Guilherme Whitaker em 02/07/2012 14:59


Nesta quinta-feira (05) o Curta Doze e Meia retoma suas atividades e realiza uma retrospectiva com alguns dos vídeos que tiveram maior destaque entre o público nas temáticas anteriores. As sessões da “Retrospectiva Curta Doze e Meia” acontecerão todas as quintas-feiras de julho e em duas do mês de agosto. Nesta semana serão exibidos os vídeos "Faço de mim o que quero", "Maxixe", "Tim Maia" e "A Perna Cabiluda". Após a exibição haverá um bate papo descontraído com o público presente. As atividades do cineclube ocorrem no auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife, sempre às 12h30, com entrada gratuita.

O Cineclube Curta Doze e Meia é uma iniciativa de cineclubistas de Pernambuco - que já desenvolvem atividades com exibição de filmes em diferentes regiões do Estado – e conta com o apoio do Centro Cultural Correios, Coletivo NegoBom, Regional Nordeste do Ministério da Cultura, Sambada Comunicação e Cultura e do Cineclube Macaíba.

CONECTE-SE CONOSCO:

Twitter: http://twitter.com/curtadozemeia

Facebook: http://www.facebook.com/pages/CurtaDozeMeia

YouTube: http://www.youtube.com/user/curtadozemeia

 

Vídeos a serem exibidos:

Faço de mim o que quero (PE)

Direção: Petrônio de Lorena e Sérgio Oliveira

20 min, 2009, doc

Documentário sobre a vasta produção da chamada música brega em Pernambuco.

 

Maxixe (PE)

Direção: Breno César

10min, 2010, videodança

A sensualidade, a comicidade e o exagero são alguns dos elementos utilizados para a construção dessa videodança, que teve o ritmo do Maxixe como mote inspirador para sua narrativa. O trabalho imprime um movimento circular contínuo entre as personagens, que contamina os corpos em seu entorno, transeuntes do Mercado de São José, no centro do Recife.

 

Tim Maia (RJ)

Direção: Flavio R. Tambellini

14min, 1986, doc

Genial, controvertido, maluco, Tim Maia era uma figura especial, renovadora e talentosa da música brasileira. O filme, numa linguagem antiacadêmica, mistura seu papo com sua música, deixando a montagem fluir no swing de Tim.

 

A perna cabiluda (PE)

Direção: Beto Normal, Gil Vicente, João Júnior e Marcelo Gomes

Doc, 19min, 1997

Nos anos 1970, em Recife, um personagem habitou o imaginário popular por um bom tempo: uma perna "cabiluda" que atacava as pessoas, destruía lares, estuprava mulheres, deixando a cidade de Recife em pânico.

 

Serviço:

Retrospectiva Curta Doze e Meia

Dias 05, 12, 19 e 26 de julho

e 09 e 23 de agosto de 2012

Quintas-feiras, às 12h30

ENTRADA GRATUITA

Auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife

Av. Marquês de Olinda, 262 – Bairro do Recife

 

Informações: (81) 9223-2182 (Ruth Pinho) / (81) 9873-3576 (Amanda Ramos)

curtadozemeia@gmail.com

http://curtadozemeia.blogspot.com

 

Fonte: Amanda Ramos


Comente aqui...


Você precisa digitar algo na caixa de texto.
Não foi possível enviar seu comentário.
Informe um e-mail válido.
Você precisa informar um nome.
Você precisa digitar algo na caixa de texto.

Jornal do Curta


[confira outras notícias]