TROMBA D’ÁGUA em Juiz de Fora ::  | Curta o Curta

TROMBA D’ÁGUA em Juiz de Fora

Por Guilherme Whitaker em 01/07/2011 15:54


TROMBA D’ÁGUA
Festival de Vídeo Experimental
8 de Julho de 2011
Diversão & Arte

Uma enxurrada de imagens - é o que propõe, pela terceira vez, o Festival de Vídeo Experimental Tromba d’Água, realizado pelo Espaço OOO e Coletivo Epinefrina, no espaço cultural Diversão & Arte, em Juiz de Fora. Nessa edição, além dos trabalhos de criadores locais, o evento contará com obras de videoartistas de São Paulo (Cecília Lucchesi e Carol Nogueira), Rio de Janeiro (Eveline Cunha, Christian Caselli e Guilherme Whitaker), Buenos Aires (Letícia El Obeid) e Belo Horizonte (Igor Amin e Carlos Magno).

Durante o Tromba d’Água serão realizadas performances live durante o evento, como o Laboratório Colaborativo de Cecília Lucchesi, que contará com a participação de artistas performáticos do Coletivo Epinefrina e a sonoplastia de Pedro Paiva “Vinil é Arte”.

Os visitantes poderão passear livremente pelas salas do espaço cultural, nas quais encontrarão as obras em exibição (loop) durante todo o evento. O Tromba d’Água é gratuito e tem como objetivo a criação de um público e a viabilização de um espaço (mesmo que efêmero) na agenda cultural local para as criações audiovisuais de caráter experimental / artístico.

Em 2011, o Festival abrirá o Circuito Zero Grau, festival de inverno independente de Juiz de Fora, realizado a cada sexta feira de Julho. Anexo ao Espaço Cultural Diversão & Arte, estará em funcionamento a Boutique dos Sabores, com um show da banda Radiola (JF).


DIVERSÃO & ARTE
Rua Halfeld 1322, Juiz de Fora, MG

CONTATO
Pedro Salim – (32) 8886 1324
pedrosalim@gmail.com

CIRCUITO ZERO GRAU
http://circuitozerograu.com

 

Guilheme Whitaker (GUIWHI)
Jornalista, produziu mais de 40 curtas, sendo diretor de 8 filmes.  www.guiwhi.com


Christian Caselli (KZL)
Formando em Jornalismo, tem se destacado no audiovisual alternativo carioca por sua produção acelerada (cerca de 30 obras, entre clipes e curtas) de baixo orçamento, sempre fazendo direção, roteiro e edição de todos. Seus filmes podem ser facilmente encontrados no Youtube e no site Curta o Curta. É também curador e responsável pela parte videográfica da Mostra do Filme Livre, que teve sua oitava edição no Centro Cultural Banco do Brasil (RJ) este ano. Com o “desenho desanimado” O PARADOXO DA ESPERA DO ÔNIBUS o autor conquistou uma maior repercussão (o curta tem mais de 400 mil exibições na internet e foi selecionado para mais de 15 festivais). Mais em www.caselli.info

 


Comente aqui...


Você precisa digitar algo na caixa de texto.
Não foi possível enviar seu comentário.
Informe um e-mail válido.
Você precisa informar um nome.
Você precisa digitar algo na caixa de texto.

Jornal do Curta


[confira outras notícias]