Vencedores do Curta Criativo 2011 ::  | Curta o Curta

Vencedores do Curta Criativo 2011

Por Guilherme Whitaker em 08/12/2011 10:42


O Sistema FIRJAN, por meio do SESI Cultural, premiou na noite de ontem, dia 5, os ganhadores do Curta Criativo 2011, concurso de curtas-metragens que está em sua 4ª edição. No Teatro SESI Centro, os ganhadores das categorias ficção, documentário e animação receberam R$ 10 mil (primeiro lugar) e R$ 8 mil (segundo lugar). O primeiro lugar de cada categoria recebeu ainda latas de negativos para a produção de novos filmes e Pacotes de Distribuição Cultural oferecidos pela Distribuidora Curta o Curta. O objetivo do concurso é identificar novos talentos da indústria cinematográfica, fomentando a produção audiovisual do Rio de Janeiro.

Sesi Cultural 2011 premia ganhadores

“A ideia do Curta Criativo surgiu a partir da constatação de que, além de o cinema ser a maior diversão, é também uma indústria muito importante não só por gerar empregos, mas por movimentar enorme cadeia produtiva de fornecedores e de negócios. É graças a essa Indústria Criativa que o cinema brasileiro deixou o amadorismo para trás, se profissionalizou e passou a levar milhões de pessoas às salas de exibição de todo o país”, disse a vice-presidente do Sistema FIRJAN, Angela Costa.

Os prêmios foram anunciados pela atriz Fabíola Nascimento. Na categoria ficção, primeiro e segundo lugar também ganharam estágios. O primeiro lugar desta categoria recebeu ainda horas de ilha de edição off line na Urca Filmes; R$ 7 mil em aluguel de equipamentos de iluminação, acessórios e maquinarias da Quanta; e R$ 3 mil em serviços de revelação, preparação, limpeza e telecine off line ou legenda a laser da Labo Cine.

O primeiro lugar da categoria documentário também ganhou estágio, horas de ilha de edição off line na Urca Filmes; R$ 7 mil em aluguel de equipamentos de iluminação, acessórios e maquinarias da Quanta; e R$ 2 mil reais em serviços de revelação, preparação, limpeza e telecine off line ou legenda a laser da Labo Cine. Já os dois primeiros colocados na categoria animação terão ainda a oportunidade de fazer curso avançado de animação oferecido pelo Anima Mundi.

Os seis primeiros colocados terão seus filmes exibidos em sessão especial no Cine Glória, na locadora Cavideo e no site Porta Curtas. Primeiro e segundo lugares da categoria animação terão também seus filmes exibidos no próximo Festival Anima Mundi. Participaram do concurso alunos e ex-alunos dos cursos de graduação e pós-graduação em Cinema, Comunicação, Design, Mídias Digitais, Artes Visuais, Novas Mídias, Belas Artes e Produção Cultural, e ainda estudantes de cursos técnicos e livres de Cinema do Rio de Janeiro, que produziram filmes com duração de até cinco minutos.

O corpo de jurados foi presidido por Lucy Barreto, produtora da LC Barreto e responsável por mais de 70 filmes. Entre os jurados estavam Walter Goulart, professor de cinema da Universidade Gama Filho e com passagens pela filmografia de “Assalto ao trem pagador” (1960) e “Dona Flor e seus dois maridos” (1976); Rosane Svartman, diretora, roteirista e sócia da Raccord Produções; Silvia Rabello, diretora da Labo Cine e Marcos Didonet, sócio da Total Filmes, que produziu “Se eu fosse você 1 e 2”, “Divã”, “Assalto ao Banco Central”, entre outros. Além dos jurados, estava presente na cerimônia a vice-presidente do Sindicato Interestadual da Indústria Audiovisual (Sicav), Silvia Rabello.

A presidente do corpo de jurados, Lucy Barreto, disse durante o evento de premiação que encontrou nos vídeos muita poesia, humor, reflexão e elogiou o concurso. “Quero parabenizar o presidente da FIRJAN, Eduardo Eugenio Gouvêa Vieira, pela iniciativa. Ver os novos cineastas que estão despontando é uma experiência extremamente excitante. Além disso, quero salientar a importância da casa de cultura comprada pela FIRJAN. Esse investimento é importante para todos nós, para a cultura do Rio de Janeiro, do cinema e do audiovisual”, disse Lucy se referindo à casa renascentista comprada pela Federação das Indústrias em Botafogo.

Veja a relação dos ganhadores:

Categoria Ficção:
1º lugar: A Bagunça Eterna, de Clarissa Appelt
2º lugar: 15, de Felipe Carnero Bond Borges
3º lugar: Semibreve, de Livia Cathiard Giorgi
Menção honrosa: Tá na Hora, de Evandro Manchini

Categoria Documentário:
1º lugar: O Povo Fala, de Luka Melero dos Anjos
2º lugar: Cabelo apresenta Mc Fininho e Dj Barbante no Baile Funk (Gentil) Carioca, de
Isabella Maria Monteiro de Castro e Abreu Rocha
3º lugar: El Sonido del Silêncio, de Victor Quintanilha Moura Dias

Categoria Animação:
1º lugar: Paper, de Juliana Rodrigues
2º lugar: Miau, de Felipe Paes de Almeida
3º lugar: Enfim, o Show, de Leandro Monteiro Avelino


Comente aqui...


Você precisa digitar algo na caixa de texto.
Não foi possível enviar seu comentário.
Informe um e-mail válido.
Você precisa informar um nome.
Você precisa digitar algo na caixa de texto.

Jornal do Curta


[confira outras notícias]